R7.com - Notícias, entretenimento, esportes e vídeos
MS Record
CONTATO
30 de dezembro de 2011 - 15h55 • Nenhum comentário

Sepultado corpo de menino que morreu soterrado em lixão de Campo Grande

Caixão ficou lacrado durante todo o velório e enterro
MS Record

O corpo do menino Maikon Corrêa de Andrade, de 9 anos, que morreu após ser soterrado por uma montanha de lixo no aterro sanitário de Campo Grande, foi sepultado na manhã desta sexta-feira (30).

Familiares e amigos chegaram de ônibus no cemitério do Cruzeiro. A comoção da morte garoto, amplamente divulgada pela mídia, levou até desconhecidos para o enterro.

No cortejo, pai e a mãe não saíram de perto do carro da funerária. No caixão, lacrado desde o velório, a foto de Maikon.  A mãe do garoto desmaiou por várias vezes e precisou ser segurada pelos familiares.

A avó materna do garoto também passou mal e foi socorrida. Uma família despedaçada por uma perda sem sentido. “Como madrinha, tia, quase mãe, adorava meu filho. Perder ele desse jeito foi a pior coisa... Não poder ver a carinha dele, um sofrimento demais”, afirmou a madrinha de Maikon, Luciana Correa.

Testemunhas devem ser ouvidas na próxima semana. Vão prestar depoimento os pais do menino, bombeiros, catadores de materiais recicláveis e o chefe do lixão. Os laudos periciais serão fundamentais para as investigações.

Entenda o caso

Maikon Correa de Andrade, de 9 anos, morreu depois de ser soterrado por uma avalanche de lixos. Ele e um amigo catavam garrafas pet no lixão de Campo Grande, saída para Sidrolândia.

O acidente aconteceu na tarde da última quarta feira (28). Foram 20 horas de busca à procura do corpo do menino.

(Colaborou Jacklin Andreucce, TV MS Record)
 



Compartilhar:
Imprimir    Imprimir: Feed RSS Assine nosso Feed:
Deixar Comentário
O e-mail e telefone não serão divulgados
MS RECORD © Copyright 2011 MS Record. Todos os Direitos Reservados Desenvolvido por dothCom Consultoria Digital